www.facebook.com/bolinhapneus

Prefeita de Santa Luzia é investigada pela PC

A notícia veiculada pela Rádio Itatiaia no último sábado (15/4) caiu como uma bomba em Santa Luzia. A emissora divulgou que, de acordo com a Polícia Civil (PC), Roseli Ferreira Pimentel, atual prefeita da cidade está sendo investigada por conta da morte do proprietário do jornal “O Grito”, Maurício Campos Rosa, ocorrida em agosto de 2016. Maurício foi assassinado com cinco tiros ao sair da casa de um amigo no Bairro Frimisa.

 

Em seu site, a rádio Itatiaia afirma que “A informação de que a prefeita está sendo investigada foi publicada no site do Tribunal de Justiça de Minas Gerais e é de domínio público”. A emissora ainda garantiu que “Fontes ligadas à Itatiaia afirmam que a polícia teve que pedir autorização ao Tribunal de Justiça para investigar a prefeita, uma vez que ela possui foro privilegiado.
A assessoria de imprensa da Polícia Civil limitou-se a dizer, por meio de nota, que as investigações sobre a morte do jornalista seguem em andamento, mas que nenhuma informação do caso será divulgada neste momento para não comprometer a integridade do trabalho”.

A emissora finalizou a nota, afirmando que “a prefeita de Santa Luzia informou à Itatiaia que seus advogados estão munidos de provas contra o suposto abuso de poder da polícia. Ela reiterou que mora na cidade há 43 anos, que é professora e que nunca fez mal a ninguém, muito menos tirar a vida de uma pessoa. A prefeita afirma ainda que o caso é absurdo, que tudo será esclarecido e os culpados serão punidos”.

Procurada pela nossa reportagem, a prefeita disse que iria publicar uma nota sobre o assunto essa semana.

Até o momento, O VIROU NOTÍCIA não recebeu nenhuma nota da Polícia Civil, sobre o caso.

 

 

Share

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *