Final do Mineiro – PM detalha planejamento para este domingo

2.500 policiais atuarão no clássico final

A Polícia Militar de Minas Gerais (PMMG) garante que para a final do Campeonato Mineiro, que acontece no próximo domingo (07), no estádio Independência, em Belo Horizonte, está sendo empenhado um número expressivo de policiais militares para garantir a segurança dos torcedores de Atlético e Cruzeiro. Para a final, aproximadamente 2.500 policiais atuarão no clássico final. O planejamento extraordinário que será empregado neste dia não afetará a atividade rotineira na capital e da Região Metropolitana que continuará com ações e operações ordinárias para garantia da segurança pública.

Nos grandes corredores que dão acesso ao estádio, como por exemplo Avenidas Antônio Carlos, Cristiano Machado e Andradas, e também no entorno do Independência, o policiamento será reforçado. Haverá presença policial também nas estações de metrô e do Move para aumentar a segurança desses locais.
CRUZEIRENSES

À torcida do Cruzeiro, a PMMG orienta que para chegar ao estádio utilize o seguinte percurso: Cristiano Machado -> Silviano Brandão -> Nanci de Vasconcelos -> Alexandre Tourinho -> Córrego da Mata -> Ismênia Tunes -> acessando assim, o portão de número “08”, que recepcionará os torcedores. A Polícia Militar solicita que os torcedores cruzeirenses não usem o metrô para chegar ao Independência. Caso opte por esse trajeto, que não o faça vestindo a camisa do clube por medida de segurança.

ATLETICANOS

Com relação à torcida atleticana, o acesso dos torcedores será pela Avenida Pitangui. Nesse sentido, a orientação é que ela passe pelo Horto, acesse a avenida até a chegada dos portões indicados.

Independente do time vencedor, a Polícia Militar de Minas Gerais manterá o policiamento reforçado na capital durante as comemorações da torcida.

 

ARBITRAGEM

Depois de uma década, um árbitro mineiro voltará a apitar uma final do estadual. A última vez coube ao ex-árbitro da FMF Álvaro Azeredo Quelhas,  em 2007, apitar um clássico entre Atlético e Cruzeiro na final do Campeonato Mineiro. Igor Júnio Benevenuto, árbitro Aspirante Fifa do quadro da FMF, será o dono do apito na finalíssima entre Atlético e Cruzeiro.
Integrante do quadro da FMF desde 1998, o árbitro de 36 anos apitará o maior clássico das Gerais pela terceira vez em sua carreira. Nesta temporada, Igor já atuou em quinze partidas, sendo doze pelo Módulo I do Campeonato Mineiro, duas pela Copa do Brasil e uma pelo Módulo II do Estadual. Foi ele, também, o comandante da arbitragem no clássico da primeira fase, que terminou em vitória cruzeirense por 2 a 1.
Share

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado.